POLITOS´S PAGE

Multidão de Antepassados

 

Cada um de nós faz parte de uma família. Pensando nisso, e por curiosidade, comecei a fazer alguns cálculos. Tomando por base que sou a primeira geração, meus pais a segunda, meus avós a terceira, e assim até à 21ª geração, encontrei nesta última nada menos do que 1.048.576 pessoas! Dando uns trinta anos para cada geração, em média, encontrei a minha 21ª geração lá por volta do ano de 1352 (antes do descobrimento do Brasil!). Todas aquelas pessoas viviam ao mesmo tempo, e geraram os filhos e filhas da minha 20ª geração, que são 524.288 ; destes, nasceram filhos também; 262.144, que se casaram e tiveram 131.072 filhos, assim sucessivamente, diminuindo o número, num funil, até ao ano de 1952, quando haviam duas pessoas - meu pai e minha mãe - dos quais nasci.

Porém, existe algo muito curioso em genealogia: há uma época em que "funil" se volta para trás, isto é, nossos antepassados vão diminuindo em número, até chegar a um só casal, que conhecemos bem: Adão e Eva.

Por essas e outras coisas é que a Genealogia é um assunto interessante e sagrado. Mais ainda quando sabemos que nossa exaltação depende de como agimos em relação aos nossos antepassados.

(Texto: José Polito)